quarta-feira, 19 de junho de 2013

terça-feira, 18 de junho de 2013

MEC DIVULGA ERRATA - PROVINHA BRASIL MATEMÁTICA 2013


 Pedimos atenção na correção da questão 15 de Matemática. 
Vejam errata:

Provinha Brasil – 1º S/2013 – Teste 1
No Guia de Correção e Interpretação dos Resultados, deve ser feita a seguinte alteração na "Ficha de Correção - Matemática", página 51: para a Questão 15 o gabarito é (D).

sexta-feira, 14 de junho de 2013

ORIENTADORES DE ESTUDO RECEBEM MATERIAL DO PACTO

Os 32 orientadores de estudo do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa do município de Belém receberam o kit com 35 cadernos do material de estudo da formação de professores alfabetizadores.
A entrega aconteceu no dia 14 de junho de 2013, na reunião semanal que a equipe realiza, toda sexta-feira das 8h às 12h, no Centro de Formação de Professores.
Na reunião, foi feita a avaliação da formação de junho e construída agenda de ações da equipe, que inclui análise e registro do acompanhamento da avaliação mensal em escrita, leitura, texto e matemática; revisão no material do aluno a ser entregue aos professores no segundo semestre e a elaboração de pautas de formação para o mês de agosto.
Na formação de agosto, será a vez dos professores alfabetizadores receberem o material de estudo do Pacto.

quinta-feira, 13 de junho de 2013

RELATOS DOS PROFESSORES DE MOSQUEIRO

Uma das estratégias da formação de professores de CI do Projeto Expertise em Alfabetização é o relato de práticas bem sucedidas, numa conversa de professor para professor. O objetivo é compartilhar práticas didáticas que levam os alunos a se alfabetizarem.
A formadora Luiza Silva, que compõe a equipe de assessoramento às escolas de Mosqueiro, conta o que três professores narraram na formação de junho.

RELATO 1:
Sequência didática desenvolvida pela Professora FERNANDA LOURDES VALENTE MENDES,  na turma de C1 3º ano da Escola Lauro Chaves, a partir da história Estela conta estrelas.
Tudo começou com a leitura da história; manhã  de  autógrafo  na  escola; letra  inicial  dos  nomes; glossário; bingos: de  figuras, letra  inicial  e  final, de  palavras, glossário  de palavras  trocadas; texto  ilustrado; o  que tem nessas imagens que Estela adorava contar?; painel  ilustrado; vídeos como surgem as estrelas?; autoditado; desenho livre; alfabeto móvel; recolha o maior número de autógrafo de seus familiares; faça um desenho de como você imagina Estela; pesquise  o nome dos planetas; faça uma lista de coisas que podem ser contadas em sua casa; pesquise nome de estrelas.
Dentre as atividades da sequência destacaram-se: Leitura e dramatização pelos alunos da turma com o mesma tema e atividade de ilustração da história - Estela conta as estrelas, realizada no laboratório de informática.

RELATO 2:
Os professores NATALINO DA SILVA ALEXANDRE E LAIS SALES DOS SANTOS desenvolveram a sequência didática: A RIQUEZA DAS ERVAS MEDICINAIS, da ESCOLA DONATILA LOPES, em quatro turmas de C1 3º ano.
A sequência didática teve as seguintes etapas: leitura do texto com os alunos; atividade de escrita: ditado dos nomes das plantas; atividades de pesquisa com os pais - plantas conhecidas e suas utilidades; confecção de um glossário com plantas pesquisadas pelos alunos; pesquisa de campo: visita à casa de moradores da comunidade e entrevistas; montagem de um álbum de ervas medicinais; socialização dos conhecimentos na sala de informática.

RELATO 3:

O professor GILDERSON FAVACHO CEZAR DA TRINDADE, da Escola Abel Martins, apoiou-se na sequência didática Menina Bonita de Laço de Fita, que está no Compêndio da formação Alfabetização, letramento e matemática e nas atividades previstas no material do aluno para trabalhar os alunos que se encontram em diferentes níveis de aprendizagem da escrita.
A atividade consiste na organização de grupos de alunos com diferentes níveis da Psicogênese da língua escrita,  para desenvolver atividades propostas de leitura, escrita e análise de aspectos da língua escrita, inerentes aos conteúdos da alfabetização. Tudo isso para promover os avanços na aprendizagem de seus alunos.
Para a formadora Luiza da Silva, "apresentar as práticas na formação para os colegas de trabalho, que enfrentam situações semelhantes de aprendizagem na sala de aula, ajuda os professores a coletivamente refletirem sobre suas próprias práticas".

sexta-feira, 7 de junho de 2013

PROVINHA BRASIL 2013











CRONOGRAMA - PROVINHA BRASIL NAS ESCOLAS


Estudo com os professores, na formação – Expertise em Alfabetização CI 2º ano
03 a 06/06
Aplicação do teste  de Leitura em turmas de CI 2º ano
10 a 14/06
Aplicação do teste  de Matemática em turmas de CI 2º ano
10 a 14/06
Correção e sistematização dos resultados
17 a 21/06
Análise e planejamento com base nos resultados
24 a 27/06
Envio do resultado pelo link disponível no blog:
http://www.expertiseemalfabetizacao.blogspot.com
27/06/13
Entrega da ficha de correção no Centro de Formação
28/06/13

quarta-feira, 5 de junho de 2013

FORMAÇÃO DOS COORDENADORES PEDAGÓGICOS


 
 
Aconteceu dia 05 de junho de 2013 a formação dos coordenadores pedagógicos que atuam junto aos professores das turmas de CI. Foram duas turmas pela manhã e uma a tarde, totalizando a participação de 85 coordenadores.

A pauta iniciou com a apreciação de texto literário: Existe tarefa mais importante realizada pela escola do que esta de ensinar a ler e escrever?, de Bartolomeu Campos de Queirós. Em seguida foram feitos estudos em grupo sobre os conteúdos da alfabetização. Dos estudos cada equipe procurou responder a questão: O que devem fazer os Coordenadores Pedagógicos?, com ênfase em Leitura feita pelo professor, Produção de textos e Situações de escrita e de leitura pela criança.

Foram estudados os critérios e encaminhamentos da avaliação da aprendizagem em escrita, matemática e leitura, com ênfase para as questões da Provinha Brasil de leitura e matemática.

A formação incluiu vivências das condições didáticas para alfabetização. Dos estudos feitos, o coordenador leva sugestões e encaminhamentos para acompanhar o trabalho dos professores em sala de aula.




ESCRITA DE TEXTO NA ALFABETIZAÇÃO

             Escola Pedro Demo foca trabalho na produção de texto pelo aluno. As professoras Ilza Barbosa e Gleysi Sarmento das turmas do CI 2º ano realizaram no mês de maio um trabalho sistemático e organizado com o objetivo de levar seus alunos a produzirem texto.
A sequência didática iniciou com a leitura do texto: A Lenda da mandioca, pela professora e pelos alunos, em seguida foi feita a exploração oral da compreensão leitora pelos alunos.
Como atividade de reescrita do texto, os alunos contaram a lenda para a professora que as escreveu no quadro, diante dos alunos, apontando para os aspectos da textualidade: título, gênero textual, coesão e coerência, pontuação, emprego de letras maiúsculas, segmentação de palavras no texto, flexão de gênero e número, na medida em que escrevia, explicava tais aspectos envolvendo os alunos na atividade.
As palavras extraídas do texto compuseram um glossário, cujas palavras foram lidas e exploradas em diversas atividades, incluindo pesquisa de palavras no dicionário.
Ao final, os alunos fizeram a escrita do texto estudado em grupo. Suas escritas mostraram o quanto os alunos são capazes de escrever se expostos a uma didática adequada.
Para a formadora Rosimar Miranda que assessora o trabalho desta escola “é gratificante ver como as professoras inserem em seu trabalho as práticas estudadas na formação, levando os alunos a escrever texto próprio. Isso é significativo porque a experiência foi relatada e mostrada em forma de vídeo para os professores de CI de toda rede municipal, na formação realizada em junho”.